Voto não tem preço, tem conseqüência


Publicado: 05/04/2022 18:41 | Última modificação: 05/04/2022 18:47

Lattuf/Sintep-MT

Os servidores da educação de Mato Grosso estão sendo atacados diariamente, desde que o governador assumiu a cadeira no Palácio Paiaguás e deixou o discurso da campanha eleitoral. São mais de três anos sem correção salarial, calote na RGA, desprezo pelas leis de carreira (LC 510/2013, Gestão Democrática), confisco das aposentadorias e pensões e desmonte do Piso Salarial Profissional com descumprimento da Lei Federal, que assegura a correção de, no mínimo, 21,51% sobre o valor salarial praticado em MT.
 

Mais Charges